iOS. Mais possibilidades quaisquer que sejam as suas capacidades.

O iPhone, iPad e iPod touch trazem funcionalidades auxiliares que mudaram o cenário da aprendizagem para os estudantes com necessidades especiais. Estas tecnologias inovadoras permitem a todos os estudantes tirar partido da diversão e funcionalidade do iOS.

Formas diferentes de aprender. Para diferentes tipos de estudante.

Os dispositivos iOS são ferramentas de aprendizagem divertidas e avançadas para os estudantes com défice de atenção ou outras dificuldades cognitivas e de aprendizagem. Os professores podem minimizar o estímulo visual limitando o acesso a uma única app e os estudantes podem usar o FaceTime e a Câmara para comunicar, usando mais do que apenas palavras.

Acesso guiado

O Acesso guiado ajuda os estudantes com autismo ou outros problemas sensoriais e de atenção a manterem-se concentrados. Ao desativar o botão de início, um professor ou terapeuta pode limitar um dispositivo iOS a uma app e até limitar a introdução tátil em determinadas zonas do ecrã. Desta forma, outros toques e gestos não serão uma distração à aprendizagem.

iPhone com Ler seleção a ler uma iMessage.

Ler seleção

Ouvir uma palavra à medida que é lida pode ajudar à compreensão de muitos estudantes. A função Ler seleção lê em voz alta emails, iMessages, páginas da internet e ebooks. Toque duas vezes para realçar texto em qualquer aplicação, toque em Ler e o dispositivo lê o texto selecionado. Os alunos podem realçar palavras à medida que são lidas, de forma a poderem acompanhar. O dialeto e a velocidade de leitura da voz podem ser ajustados para se adaptarem às necessidades dos estudantes.

iBooks

O iBooks Author oferece aos professores uma forma de criar materiais de aprendizagem personalizados para o iPad, englobando muitas necessidades de aprendizagem. Funcionalidades como o realce multicolor, notas, pesquisa, fichas de estudo e o glossário ajudam os alunos a prepararem e organizarem-se melhor. As perguntas de revisão incorporadas oferecem aos estudantes uma avaliação imediata do seu conhecimento, para que saibam quais as matérias que precisam de estudar mais. O iBooks é compatível com o VoiceOver, Ler seleção e vídeos legendados para ajudar todos os tipos de alunos.

Leitor do Safari

Para alguns estudantes, a navegação na internet pode ter demasiados estímulos. O leitor do Safari mostra as páginas da internet sem distrações: elimina anúncios, botões e barras de navegação, permitindo que os alunos se concentrem apenas nos conteúdos que interessam. O leitor do Safari funciona também com as funcionalidades Ler seleção e VoiceOver, permitindo aos estudantes com dificuldades visuais receber feedback auditivo.

Dicionário

Ao informar-se sobre novos assuntos e temas, é normal encontrar palavras cujo significado desconhece. Os estudantes podem pesquisar palavras utilizando o dicionário no iOS. Têm um rápido acesso a definições e expressões frequentemente utilizadas e ainda disponibiliza ajuda com gramática, ortografia e pronúncia, mesmo que estejam offline.

FaceTime

Com o FaceTime, os estudantes podem facilmente fazer videochamadas por Wi-Fi. O FaceTime pode ser uma janela para a sala de aula, permitindo aos alunos que aprendem a partir de casa ou do hospital interagir com o resto da turma. Ou permitir a um terapeuta observar um estudante em ação sem interromper a aula. Graças ao vídeo de alta qualidade e à rápida velocidade de fotogramas, o FaceTime é também ideal para quem comunica utilizando a língua gestual. Cada gesto e expressão facial é mostrado em todo o detalhe. Uma vez que o FaceTime está incluído no Mac, iPhone, iPad e iPod touch, os estudantes podem utilizá-lo para comunicar com outros utilizadores OS X ou iOS.1

Photo Booth

Os alunos podem ainda utilizar uma outra forma de comunicar: o Photo Booth para tirar e partilhar fotografias. Por exemplo, os estudantes com dificuldades de interação pessoal, tais como responder a uma pergunta direta, podem achar mais fácil ver o seu próprio rosto no ecrã para iniciar a comunicação. E uma vez que o Photo Booth está integrado com a câmara iSight, apresenta as imagens assim que são captadas.

Câmara

Todos os dispositivos iOS têm uma câmara que pode ser utilizada para fotografias e vídeo. Os terapeutas que trabalham com estudantes podem registar exemplos ou o modelo de comportamento esperado. Os fonoaudiólogos e fisioterapeutas podem gravar sessões de terapia para documentar o progresso dos alunos. Os professores podem gravar aulas, experiências e visitas de estudo para partilha com estudantes em casa ou hospitalizados. Os alunos podem gravar-se a si próprios a realizar tarefas, tais como fluência de leitura e enviá-las para o professor.

iPhone a mostrar um ecrã de notas que sugere a conclusão da palavra

Previsão de palavras

A previsão de palavras no iOS pode ajudar os estudantes com dislexia, dificuldades cognitivas ou que estejam a aprender português, a melhorar o seu vocabulário e capacidades linguísticas. O iOS sugere a ortografia correta após a introdução de algumas letras. Com Enunciar texto auto-preenchido ativado, os estudantes ouvem um efeito sonoro e a palavra sugerida. Podem continuar a escrever para ignorar a palavra ou premir a barra de espaço e o iOS escreve-a. Assim, os alunos podem aprender palavras novas sem se preocuparem com a ortografia.

Fotografias e iMovie

Para alunos com dificuldades em comunicar ideias por escrito, o Fotografias e o iMovie permitem que se expressem através de multimédia. Com a câmara integrada e o Fotografias, vários elementos da aprendizagem escrita podem ser transmitidos de formas visuais, o que permite ajudar os alunos com dificuldades de leitura ou em aprender português. Os professores podem criar álbuns de fotografias para demonstrar interações sociais e de convivência, bem como indicar comportamentos adequados para os alunos guardarem como referência futura.

Com o iMovie, os alunos podem descobrir toda a emoção de fazer um filme e processo de escrita dos elementos visuais e de áudio de um guião, o que é muito mais envolvente do que outros tipos de escrita narrativa. O iMovie também pode ajudar a fortalecer as capacidades de ordenação sequencial e dar aos estudantes a oportunidade de utilizar capacidades visuo-espaciais e desenvolver competências para contar histórias.

Voltar ao início

Funcionalidade para orientar os alunos para tudo e mais alguma

Os estudantes invisuais ou com deficiências visuais podem utilizar o VoiceOver, um leitor de ecrã avançado, para tirar o máximo partido dos seus dispositivos iOS.

VoiceOver

O VoiceOver é um leitor de ecrã baseado em gestos que permite aos estudantes saber o que está a acontecer e os ajuda a navegar no ecrã Multi-Touch, mesmo que não consigam vê-lo. Para aceder ao VoiceOver, os alunos podem clicar três vezes no botão de início. Podem ouvir uma descrição de tudo o que acontece no ecrã e, assim, saber em que app têm o dedo, encontrar um excerto num texto ou ouvir a leitura de um ebook em voz alta. Os estudantes podem ajustar a velocidade e o tom de leitura do VoiceOver conforme a sua preferência. Saber mais sobre o VoiceOver

Inverter cores

Para alunos que precisem de aumentar o contraste para ver o que está no ecrã, o iOS permite inverter as cores do texto, gráficos e até dos vídeos. Uma vez definidas as cores, as definições aplicam-se ao nível do sistema, pelo que o aspeto é igual em todas as apps. Também funciona com o Zoom e VoiceOver.

Zoom

O Zoom é um ampliador de ecrã que funciona em todo o iOS, para que os estudantes possam ler melhor um texto, ver um diagrama ou ampliar mapas. E funciona com todas as apps da App Store. Um simples duplo toque com três dedos aproxima instantaneamente 200% e a ampliação pode chegar aos 500%. Com o ecrã ampliado, tudo funciona como habitualmente: os estudantes podem usar todos os gestos familiares para navegar no dispositivo. E o Zoom funciona com o VoiceOver, por isso podem ver e ouvir melhor o que está a acontecer no ecrã.

Voltar ao início

Novos meios para os alunos se expressarem.

O FaceTime ajuda os estudantes surdos ou com dificuldades de audição a comunicar e interagir. E com as legendas e o áudio mono, podem tirar o máximo partido do conteúdo no iPhone, iPad e iPod touch.

FaceTime

Graças ao vídeo de alta qualidade e à rápida velocidade de fotogramas, o FaceTime é ideal para os estudantes que comunicam utilizando a língua gestual. Cada gesto e expressão facial é mostrado em todo o detalhe. Uma vez que o Facetime está incluído no Mac, iPhone, iPad e iPod touch, os alunos podem falar com utilizadores OS X ou iOS que estejam numa sala de aula ou do outro lado do mundo. Como se estivessem cara a cara.1

Áudio mono

Normalmente, as gravações estéreo têm faixas de áudio diferentes para o canal esquerdo e direito. Como tal, os estudantes que sofrem de surdez ou dificuldades de audição num ouvido podem perder os conteúdos desse canal. O iOS ajuda ao reproduzir os canais de áudio em ambos os ouvidos, além de permitir aos alunos ajustar o equilíbrio para um maior volume em qualquer dos ouvidos, para que possam tirar partido de todo o som numa palestra, vídeo ou composição musical.

Legendas

As legendas oferecem a todos os tipos de estudantes com deficiências auditivas a possibilidade de ter legendas em vídeo para ajudar à compreensão. As legendas surgem no ecrã numa letra branca e de leitura fácil sobre um fundo preto. O iOS é compatível com vários tipos de legendas, em vários materiais educativos, como podcasts ou cursos do iTunes U.

GarageBand

O GarageBand pode ajudar a melhorar a compreensão auditiva entre os estudantes que sofrem de surdez ou dificuldades de audição, especialmente aqueles que se estão a adaptar a novos implantes cocleares. Os professores podem criar podcasts com conversas e descarregá-los para um Mac, iPhone, iPad ou iPod touch. Os alunos utilizam os podcasts para aprender inflexões e distinguir uma voz de outra. O GarageBand é também fantástico para terapia da fala, aprender idiomas tonais como o chinês, ou ajudar os estudantes que sofrem de surdez a compreender o volume de som utilizando um ficheiro de ondas de áudio.

Voltar ao início

iOS: os alunos estão em controlo.

As tecnologias iOS inovadoras tornam o ecrã Multi-Touch mais acessível aos estudantes com problemas físicos ou motores.

iPad a mostrar o ecrã de configuração do AssistiveTouch.

AssistiveTouch

Os dispositivos iOS têm um ecrã grande, de alta precisão e sensível ao toque, que não requer força física mas apenas o contacto com a sua superfície. E o AssistiveTouch permite aos estudantes com capacidades motoras limitadas adaptar o ecrã Multi‑Touch do dispositivo iOS às suas necessidades. Assim, gestos Multi‑Touch mais complicados, como um gesto de apertar ou percorrer com vários dedos, estão acessíveis com um simples toque de um dedo. Ou os alunos podem criar gestos personalizados. E se tiverem dificuldade em premir o botão de início, podem ativá-lo com um toque no ecrã. Gestos como rodar e abanar estão disponíveis mesmo que o dispositivo iOS esteja montado numa cadeira de rodas. Para os estudantes que necessitam de dispositivos auxiliares, tais como joysticks, os dispositivos iOS são compatíveis com várias opções de outras empresas.

Recursos