[an error occurred while processing this directive]

Apple e o Ambiente

Informações sobre o impacto ambiental da Apple.

A Apple disponibiliza informação exaustiva sobre o impacto ambiental, tendo por base os seus produtos: o que acontece quando os desenhamos e fabricamos e o que acontece quando são utilizados em sua casa.

Total das emissões de carbono

Para 2012, estimamos que a Apple foi responsável por 30,9 milhões de toneladas métricas de emissões de gases com efeito de estufa.1

Como calculamos as emissões de carbono.

Para medir eficazmente as emissões de carbono de uma empresa, é importante avaliar o impacto que os produtos dessa empresa têm no planeta. Outras empresas continuam a comunicar apenas as emissões de carbono das suas instalações. Mas na Apple, utilizamos uma análise exaustiva do ciclo de vida para determinar a origem das nossas emissões de gases com efeito de estufa. Assim, somamos as emissões geradas pelo fabrico, transporte, utilização e reciclagem dos nossos produtos, assim como as emissões geradas pelas nossas instalações. Descobrimos que os nossos produtos são responsáveis por cerca de 98% das emissões de carbono da Apple. Os restantes 2% são imputados às nossas instalações, incluindo os nossos centros de dados.

Reduzir o impacto do nosso crescimento.

Para reduzir o nosso impacto no ambiente sabemos que o mais importante é melhorar o desempenho ambiental dos nossos produtos. É por isso que os concebemos de forma a utilizarem menos materiais, terem embalagens mais pequenas, não utilizarem substâncias tóxicas e serem tão eficientes a nível energético e recicláveis quanto possível. Assim, à medida que o nosso crescimento continua a superar o resto do mercado, fazemo-lo com produtos mais ecológicos do que nunca e continuamos empenhados em criar produtos com o menor impacto no ambiente. Embora as receitas tenham aumentado, as emissões de gases com efeito de estufa por dólar de receita diminuíram 21,5% desde 2008. E continuamos a ser a única empresa do sector cuja linha de produtos não só satisfaz como excede as rigorosas diretrizes de energia estabelecidas pela especificação ENERGY STAR. Saiba mais sobre a nossa evolução em termos ambientais

Voltar ao início

Fabrico

O fabrico, incluindo a extração de matérias-primas e a montagem de produtos, representa 61% do total de emissões de gases com efeito de estufa da Apple.

61%

18.934.000 toneladas métricas de
emissões de gases de estufa

Utilização de material.

Nos últimos dez anos, os designers e engenheiros da Apple continuaram a inovar no fabrico dos nossos produtos como com a estrutura unibody que permitiu que o MacBook e o iPad se tornassem mais finos e ainda mais resistentes. E o novo iMac utiliza um processo chamado soldadura por fricção, que permite que o iMac utilize menos 68% de material e contribua com menos 67% de emissões de carbono relativamente às gerações anteriores.

Remoção de substâncias tóxicas.

Para conceber produtos mais ecológicos é necessário levar em consideração o impacto ambiental dos materiais utilizados no seu fabrico. Desde o vidro, plástico e metal dos nossos produtos, até ao papel e tinta na embalagem, o objetivo é continuar a liderar o sector na redução ou eliminação de substâncias nocivas para o ambiente.

Durante décadas, a indústria eletrónica utilizou frequentemente substâncias tóxicas como arsénio, BFR, mercúrio, ftalatos e PVC. Embora a utilização destas substâncias ainda seja permitida na maior parte do mundo, a Apple procurou alternativas melhores. Por exemplo, os cabos de alimentação CA. Durante vários anos, colaborámos com os fornecedores para desenvolver compostos sem PVC e sem ftalatos que satisfizessem os nossos exigentes padrões de resistência, segurança e impacto ambiental. Depois trabalhámos com reguladores em todo o mundo para validar e certificar cabos de alimentação sem PVC. Na grande maioria dos nossos mercados já oferecemos cabos sem PVC e vamos continuar a disponibilizar estes cabos noutros países à medida que forem certificados.

A Apple também eliminou os BFR de milhares de componentes, colocando-nos anos à frente da concorrência. E todos os nossos ecrãs utilizam retroiluminação LED sem mercúrio e vidro sem arsénio.

Para garantir que os nossos fornecedores cumprem os nossos padrões de qualidade analisamos os produtos nos nossos laboratórios em Cupertino através de diversos testes, como a espetroscopia de fluorescência de raios X e cromatografia iónica. Os nossos produtos são também testados por laboratórios independentes para verificar os nossos resultados.

Materiais amigos do ambiente.

Além da eliminação de substâncias tóxicas e da conceção de produtos com estruturas em alumínio recicláveis, a Apple trabalha com materiais amigos do ambiente, incluindo plásticos e papel reciclados, biopolímeros e tintas vegetais. Também procurámos formas de adaptar materiais secundários aos elevados padrões dos nossos designs. Por exemplo, as ventoinhas no Mac Pro utilizam materiais derivados de garrafas plásticas repolimerizadas. E os altifalantes e fixadores internos no monitor Apple Thunderbolt Display são feitas de PC-ABS reciclado. Em 2012, os nossos feitos mais recentes incluíram a estrutura da AirPort Express, fabricada com biopolímeros derivados da colza industrial e plástico PC-ABS reciclado. E o suporte em alumínio no Mac é feito utilizando 30% de conteúdo reciclado. As embalagens de muitos dos nossos produtos utilizam pasta de fibra de papel usado e tintas vegetais. E os vales-oferta iTunes são não só recicláveis, como também feitos de papel reciclado.

Fabrico responsável.

A Apple empenha-se em garantir a segurança das condições de trabalho na nossa cadeia de fornecimento, que os trabalhadores sejam tratados com respeito e dignidade e que os processos de fabrico respeitem o meio ambiente. Para garantir essas condições, implementámos um exigente programa de monitorização que inclui auditorias às fábricas e planos de ação corretivos. Em 2012, por exemplo, realizámos um total de 393 auditorias, o que representa um aumento de 72% em relação ao ano passado, incluindo 55 auditorias ambientais especializadas. Consulte o nosso Código de Conduta dos Fornecedores, assim como os nossos relatórios de auditorias a fornecedores na página de Responsabilidade dos fornecedores.

Voltar ao início

Transporte

Cerca de 5% das emissões de gases com efeito de estufa da Apple resultam do transporte dos produtos dos locais de montagem para os centros de distribuição nos países onde são vendidos.

5%

1.608.000 toneladas métricas de
emissões de gases com efeito de estufa

Embalagens mais pequenas.

O fabrico de produtos mais finos, leves e eficientes em termos de materiais não só reduz as emissões de carbono como também permite o seu transporte em embalagens mais pequenas. Temos equipas de design e especialistas em engenharia que desenvolvem embalagens leves mas muito resistentes. O design de embalagens eficiente reduz os materiais e os desperdícios e permite reduzir as emissões produzidas durante o transporte.

Por exemplo, a embalagem do iPhone 5 é 28% mais pequena do que a do iPhone original lançado em 2007. Isso significa que cabem até 60% mais caixas de iPhone 5 em cada carregamento reduzindo a utilização de barcos e aviões, e consequentemente as emissões de CO2.

*Calculado utilizando configurações dos EUA.

Voltar ao início

Utilização do produto

A utilização dos nossos produtos gera 30% do total de emissões de gases com efeito de estufa da Apple.3

30%

9.306.000 toneladas métricas de
emissões de gases com efeito de estufa

Eficiência energética.

Recorrendo à abordagem de ciclo de vida, a Apple mede as emissões de gases com efeito de estufa associadas não só à produção dos produtos, como também à sua utilização pelos clientes. Não conhecemos qualquer outra empresa do sector que adote esta abordagem de medir e divulgar as suas emissões de carbono. Uma vez que concebemos o hardware e o sistema operativo, podemos certificarmo-nos de que trabalham em conjunto para poupar energia e reduzir a quantidade de gases com efeito de estufa gerados. Desde 2008, reduzimos o consumo médio de energia dos produtos Apple em 40%, refletindo a nossa vontade de criar os produtos mais eficientes do mundo a nível energético. E, como resultado do nosso foco na criação de produtos que consomem menos energia, a quantidade de emissões de gases com efeito de estufa causada pela utilização dos nossos produtos diminuiu 43% desde 2008.

Seguem-se alguns exemplos de como estamos a tornar os nossos produtos mais eficientes a nível energético:

Mac mini. Graças a grandes e pequenas inovações, o Mac mini utiliza apenas um quinto da energia consumida por uma lâmpada normal.4 Utiliza menos energia do que uma única lâmpada CFL de 13 watts, tornando o Mac mini no computador de secretária mais eficiente em termos energéticos do mundo.5

iMac. Ao utilizar tecnologia de painel de ecrã de comutação no plano (IPS) altamente eficiente e fontes de alimentação com mais de 90% de eficiência,6 reduzimos o consumo energético global do iMac de 21,5 polegadas para metade em comparação com o seu antecessor.

Apple TV. Utilizando apenas 2 W ao transmitir conteúdo em HD, a Apple TV consome 10 vezes menos energia do que a Apple TV original.

Chips A6 e A5. O chip A6 da Apple no iPhone 5, o chip A6X no iPad com ecrã Retina, e o chip A5 no iPad mini, iPhone 4s, iPod touch e Apple TV são outros exemplos de design e eficiência energética. Os engenheiros da Apple criaram estes chips para serem incrivelmente avançados, mas muito eficientes em termos energéticos. Com eles, os dispositivos Apple podem realizar tarefas complexas sem comprometer a autonomia da bateria.

Adaptadores de corrente MagSafe. Os nossos adaptadores de corrente para computadores portáteis estão entre os mais eficientes do mercado. Consomem menos de 30 miliwatts quando estão ligados mas sem ser utilizados. Para contextualizar, seriam necessários mais de 430 adaptadores de corrente para igualar a energia consumida por uma única lâmpada CFL de 13 W.

Qualificação ENERGY STAR.

Ao contrário de outros fabricantes que podem ter um ou alguns produtos com qualificação ENERGY STAR, todos os produtos Apple não só satisfazem como superam os rigorosos parâmetros de eficiência ENERGY STAR da Agência de Proteção Ambiental dos EUA. Nós somos a única empresa do sector que pode fazer esta afirmação. Saiba mais sobre a eficiência energética

* Calculado enquanto o sistema está inativo e concluiu o carregamento do respetivo sistema operativo; para produtos com ecrãs, o ecrã está definido para luminosidade total. Assume emissões de CO2 geradas de uma mistura média de grelhas de eletricidade nos EUA. Consulte os nossos Relatórios Ambientais de Produto para informações detalhadas de consumo de energia por produto.

Voltar ao início

Reciclagem

Cerca de 2% do total de emissões de gases com efeito de estufa da Apple estão relacionados com a reciclagem.

2%

538.000 toneladas métricas de
emissões de gases de estufa

Reciclabilidade dos produtos.

A abordagem da Apple à reciclagem começa na fase de design, em que criamos produtos eficientes e compactos, que requerem menos materiais para serem produzidos. E os materiais que utilizamos, incluindo vidro sem arsénio, alumínio de alta qualidade e policarbonato robusto, são utilizados em novos produtos após reciclagem. Até as nossas embalagens de produto utilizam materiais reciclados, sempre que possível.

Produtos mais duradouros.

A Apple concebe produtos que duram. A bateria na nossa linha MacBook é um exemplo perfeito. Pode ser recarregada até 1000 vezes.7 E dado que esta bateria dura até cinco anos, permite poupar dinheiro que, de outra forma, poderia ter de gastar em baterias novas, além de produzir menos desperdícios e aumentar o tempo de vida útil do portátil.

Reciclagem responsável.

Todos os desperdícios eletrónicos recolhidos pelos programas regulamentares e controlados pela Apple em todo o mundo são processados nos países onde são recolhidos. Nada é enviado para o exterior para reciclagem ou eliminação. As empresas de reciclagem devem agir em conformidade com os exigentes controlos ambientais contratuais da Apple, bem como com todas as leis de saúde e segurança aplicáveis e a Apple não permite a utilização de trabalhos forçados em qualquer fase do processo de reciclagem. Também não é permitida a eliminação de desperdício eletrónico nocivo em aterros de resíduos sólidos ou incineradoras. Atualmente, trabalhamos com 153 parceiros em todo o mundo cujas instalações são anualmente avaliadas relativamente à saúde e segurança dos trabalhadores, conformidade ambiental, monitorização dos materiais e responsabilidade social.

Programas de reciclagem da Apple.

Quando um produto Apple atinge o final da sua vida útil, podemos ajudar a reciclá-lo de forma responsável. Desde 1994, a Apple instituiu programas de reciclagem em 95% dos países onde os nossos produtos são vendidos, evitando que mais de 151.504 toneladas métricas de equipamento fossem colocadas em aterros. Nas regiões em que não dispomos de um programa de retoma formal, tratamos da recolha, transporte e reciclagem ecológica de dispositivos eletrónicos em fim de vida. O nosso objetivo para 2010 era alcançar uma taxa de reciclagem de 70% a nível mundial. (Para o cálculo desta taxa utilizámos uma estimativa que assume um tempo de vida de 7 anos para os produtos. O peso dos materiais que reciclamos a cada ano é comparado com o peso total dos produtos vendidos pela Apple sete anos antes.) Não só alcançámos, como superámos esse objetivo em 2010. Isso ultrapassa em muito os últimos dados divulgados da Dell e HP, que eram inferiores a 20%. Em 2012, o índice de reciclagem da Apple em todo o mundo excedeu novamente o nosso objetivo de 70%, e estamos confiantes que manteremos este nível até 2015.

Voltar ao início

Instalações

As instalações da Apple, incluindo escritórios da empresa, centros de distribuição, centros de dados e lojas, representam 2% do total de emissões de gases com efeito de estufa.

2%

486.000 toneladas métricas de
emissões de gases de estufa

Visão geral sobre as instalações.

Outras empresas do nosso sector consideram as emissões de gases com efeito de estufa relacionadas com as suas instalações como um indicador do seu impacto ambiental. Mas desligar as luzes e reciclar os desperdícios do escritório não é suficiente. Os produtos que concebemos representam o maior impacto no nosso ambiente. É por isso que a Apple se preocupa tanto com a inovação e design dos seus produtos. Por esse motivo, a Apple tomou medidas significativas para reduzir as emissões de gases do efeito estufa nas nossas instalações em todo o mundo

Energia limpa.

Estamos a trabalhar para atingir o objetivo de consumo zero: utilizar energias 100% limpas e renováveis em todas as nossas instalações e centros de dados. Em muitos locais, já atingimos esse objetivo. Estamos a construir novos edifícios e a atualizar os existentes. Estamos a instalar as nossas próprias fontes de energias renováveis, incluindo centrais solares e células de combustível. E equilibrar as nossas necessidades energéticas, estamos a celebrar o maior número possível de contratos a longo prazo com fornecedores de energia. Fizemos um enorme progresso e já convertemos 75% das necessidades energéticas das nossas instalações empresariais e centros de dados em fontes de energias renováveis.

Centros de dados.

Todos os nossos centros de dados são eficientes a nível energético e alimentados por energias 100% renováveis. As nossas instalações em Maiden, Carolina do Norte, abriram em 2012 e demonstram o nosso compromisso para com a redução do impacto ambiental das nossas instalações. O centro de dados recebeu a certificação LEED Platinum do Green Building Council dos EUA. Tanto quanto sabemos, é o único centro de dados desta dimensão e tipo a receber esta certificação. E mais de 60% das energias renováveis utilizadas é gerada no local através da maior central solar privada e da maior instalação de células de combustível de fornecimento de energia em funcionamento. Saiba mais sobre energia renovável nos nossos centros de dados

Programas de transporte de funcionários.

No ano fiscal de 2012, mais de 13.000 funcionários participaram no nosso programa de transporte alternativo, um aumento anual de 30%, que permitiu reduzir o trânsito e as emissões de CO2 provocadas pela utilização de veículos com um único ocupante. Estes números incluem mais de 1600 funcionários da Apple em Cupertino, que se deslocam diariamente para o trabalho em autocarros gratuitos movidos a biodiesel. Os funcionários em Cupertino também ajudaram a evitar mais de 102.500 kg de emissões de CO2 através da utilização de estações de abastecimento de veículos elétricos e fizeram mais de 50.000 deslocações em bicicletas partilhadas da Apple em 2012.

  1. As emissões de gases com efeito de estufa são calculadas de acordo com diretrizes e requisitos, tal como especificado pela ISO 14040 e ISO 14044. Os cálculos incluem emissões da produção, transporte, utilização e reciclagem de produtos Apple, assim como emissões de instalações Apple e viagens de funcionários. As emissões resultantes da utilização de produtos refletem a energia consumida durante três anos para produtos portáteis, ou quatro anos para computadores Mac e outros produtos vendidos no ano fiscal anterior.
  2. Cabo de alimentação CA sem PVC disponível em todos os países, exceto na Índia, República da Coreia e Tailândia. Os cabos de alimentação sem PVC para estes países vão ser introduzidos à medida que sejam concedidas aprovações das entidades reguladoras. Todos os países têm cabos internos sem PVC.
  3. Cálculo baseado em quatro anos de utilização para um Mac e três anos de utilização para um iPhone, iPod ou iPad.
  4. Baseado numa lâmpada incandescente de 60 W.
  5. Afirmação com base nas categorias de eficiência energética e nos produtos enumerados na base de dados EPA ENERGY STAR, à data janeiro de 2013.
  6. Com base na eficiência média da fonte de alimentação a 25%, 50% e 100% de carga.
  7. A Apple não oferece garantia para a bateria para além da garantia limitada de um ano da Apple. A bateria tem um número de ciclos de carregamento limitado e pode ser necessário proceder à sua substituição por parte de um fornecedor de serviços Apple autorizado. A autonomia da bateria e os ciclos de carregamento variam de acordo com a utilização e as definições. Consulte www.apple.com/pt/batteries para mais informações.