App Store

A melhor experiência para clientes e desenvolvedores.

A Apple criou a App Store com dois objetivos: ser um lugar seguro e de confiança para clientes descobrirem e baixarem apps, e oferecer uma excelente oportunidade de negócios para todos os desenvolvedores.

Nada é mais importante do que manter a confiança dos nossos usuários. Por isso, assumimos a responsabilidade de garantir que os apps atendam a um alto padrão em termos de privacidade, segurança e conteúdo.

A App Store atualmente está mais dinâmica e inovadora do que nunca, oferecendo aos desenvolvedores a oportunidade de disponibilizar apps e serviços tanto no iPhone quanto no iPad, Mac, Apple TV ou Apple Watch. Temos muito orgulho da loja que criamos e de como ela foi criada.

A loja é nossa. Por isso, a responsabilidade também é.

Acreditamos que o conteúdo na nossa loja diz muito sobre quem somos. Defendemos com convicção que todos os pontos de vista estejam representados na App Store. Mas também adotamos medidas para que os apps respeitem usuários com opiniões diferentes e recusamos apps com conteúdo ou funcionamento que, em nossa opinião, excedam os limites. Principalmente quando isso coloca crianças em risco. Por exemplo, proibimos estritamente apps que contenham material pornográfico, discriminação, tortura, abuso ou qualquer outro conteúdo de extremo mau gosto.

Elaboramos as Diretrizes de Análise da App Store para fornecer instruções claras aos desenvolvedores sobre como criar os melhores apps para nossos clientes. Essas diretrizes se baseiam em cinco pilares: segurança, desempenho, modelo de negócio, design e questões jurídicas. Elas servem para garantir que os apps na App Store sejam seguros, ofereçam uma boa experiência aos usuários, sigam nossas regras sobre privacidade, protejam os aparelhos de malware e ameaças, e usem apenas modelos de negócios aprovados.

Saiba mais sobre as Diretrizes de Avaliação da App Store

Avaliamos cada app. E cada atualização.

Quando você baixa um app, ele deve funcionar como anunciado. Por isso, analisamos cuidadosamente cada app e exigimos que os desenvolvedores cumpram diretrizes rígidas de privacidade, design e modelos de negócios em todos eles.

Nosso rigoroso processo de avaliação conta com uma combinação de sistemas automatizados e centenas de especialistas. Essa equipe abrange 81 idiomas e está espalhada em três fusos horários diferentes. Todos trabalham duro para manter a integridade da App Store: desde 2016, mais de 1,4 milhão de apps foram removidos por falta de atualização ou por não funcionarem com nossos sistemas operacionais mais recentes. Isso ajuda a limpar os resultados de busca e facilita que os usuários encontrem apps de qualidade.

Análises de apps semanais.

100 mil

apps avaliados

A maioria é avaliada em até 24 horas após o envio do desenvolvedor.

60%

são aprovados

Os desenvolvedores podem disponibilizar seus apps imediatamente após a aprovação.

40%

são rejeitados

Os motivos mais comuns para rejeição são pequenos bugs e questões de privacidade.

Todos os desenvolvedores podem pedir que uma rejeição seja reconsiderada pelo Conselho do App Review. E a equipe do App Review faz cerca de mil ligações por semana para desenvolvedores, ajudando a diagnosticar e resolver os problemas que tenham causado uma rejeição. Assim, o app pode ser disponibilizado na App Store o quanto antes.

Mais que uma plataforma, os desenvolvedores ganham flexibilidade.

Hoje em dia, os desenvolvedores têm várias opções para distribuir seus apps. Por exemplo, em outras lojas de apps, Smart TVs ou consoles de jogos. Isso sem falar na internet, que pode ser acessada pelo navegador Safari da Apple e é usada regularmente com apps para web como Instagram e Netflix.

Fazemos um grande esforço para que desenvolver apps para os mais de um bilhão de clientes da App Store em todo o mundo seja simples e interessante. Atualmente, temos 20 milhões de desenvolvedores no Apple Developer Program, com milhares deles oferecendo serviços inovadores, experiências originais e até categorias de negócios totalmente novas.

A App Store também já ajudou milhões de pessoas com ótimas ideias a aprender a programar, criar e distribuir seus projetos em 155 países.

Desde o lançamento da App Store, toda uma indústria se formou em torno do design e desenvolvimento de apps, gerando milhões de empregos ao redor do planeta.

Temos muito orgulho em dizer que, até o momento, os desenvolvedores já arrecadaram mais de US$ 120 bilhões no mundo inteiro com a venda de produtos e serviços digitais por meio de apps distribuídos pela App Store.

84% dos apps são grátis, e os desenvolvedores não pagam nada para a Apple.

Como em qualquer mercado justo, os desenvolvedores decidem quanto querem cobrar com base em faixas de preço. A Apple cobra comissão dos desenvolvedores somente quando um produto ou serviço digital é fornecido pelo app. Veja a seguir algumas maneiras como os desenvolvedores podem ganhar dinheiro na App Store.

Apps gratuitos

São apps que os usuários podem baixar e usar de graça. O desenvolvedor opta pela distribuição gratuita ou tem outro modelo de negócios que não depende da receita do app. A Apple não recebe comissão para dar suporte, hospedar e distribuir esses apps.

Exemplos de apps

  • Amazon

  • Itaú

  • Nubank

  • Wikipédia

Apps gratuitos com publicidade

O download é gratuito, e o desenvolvedor gera receita a partir dos anúncios nos apps. A Apple não recebe comissão para dar suporte, hospedar e distribuir esses apps.

Exemplos de apps

  • BuzzFeed

  • Instagram

  • Pinterest

Apps gratuitos com compras dentro do app

O download é gratuito, e os usuários podem pagar por recursos e conteúdos digitais usando o sistema de compra dentro do app fornecido pela Apple. Os desenvolvedores ganham 70% da receita gerada dentro do app, e a Apple cobra uma comissão de 30%.

Exemplos de apps

  • Candy Crush Saga

  • Clash of Clans

  • Skype

  • TikTok

Apps gratuitos com produtos e serviços físicos

O download é gratuito, e o desenvolvedor gera receita a partir da venda de produtos e serviços físicos, como compra de roupas, entrega de comida ou serviço de transporte compartilhado. A Apple não recebe comissão para dar suporte, hospedar e distribuir esses apps, nem pelas transações dos produtos e serviços físicos feitas no app.

Exemplos de apps

  • Airbnb

  • Rappi

  • UBER

  • Mercado Libre

Apps gratuitos com assinatura

O download é gratuito, e os usuários podem comprar assinaturas com renovação automática dentro do app. Se os desenvolvedores optarem por vender assinaturas digitais dentro do app, eles devem usar o sistema da Apple. Nesse caso, no primeiro ano, os desenvolvedores ganham 70% das vendas de assinatura, e a Apple cobra uma comissão de 30%. Após o primeiro ano, o desenvolvedor fica com 85% para todos os anos subsequentes em que o usuário continuar a ser assinante, e a Apple cobra uma comissão de 15%.

Exemplos de apps

  • Bumble

  • Calm

  • HBO GO

  • Pandora

Apps pagos

Os clientes pagam para baixar esses apps, que incluem atualizações gratuitas. Os desenvolvedores ganham 70% da receita de apps pagos, e a Apple cobra uma comissão de 30%.

Exemplos de apps

  • Dark Sky Weather

  • Facetune

  • Heads Up!

  • Monument Valley 2

Apps de leitura

São apps em que os usuários pagam ou assinam conteúdo exclusivamente fora do app, mas podem acessar esse conteúdo dentro do app em seus aparelhos Apple. Alguns exemplos são apps de livros, músicas e vídeos. Nesses casos, os desenvolvedores recebem toda a receita gerada por levar o cliente ao app. A Apple não recebe comissão para dar suporte, hospedar e distribuir esses apps.

Exemplos de apps

  • Amazon Kindle

  • Audible

  • Netflix

  • Spotify

Apps multiplataforma

São apps que oferecem produtos e serviços digitais para venda dentro do app e também permitem aos usuários fazer compras em outras plataformas. Nos dois casos, os usuários podem consumir esses produtos e serviços em aparelhos Apple. A Apple ganha comissão somente nas compras feitas diretamente no app em um aparelho Apple. A Apple não recebe comissão das compras feitas em outras plataformas e depois usadas dentro do app.

Exemplos de apps

  • Dropbox

  • HBO GO

  • Microsoft Word

  • Minecraft

Nós investimos no sucesso dos desenvolvedores.

O Apple Developer Program oferece um conjunto poderoso de ferramentas, compiladores, linguagens, APIs e SDKs para que todos possam criar apps inovadores.

Os desenvolvedores também têm oportunidades de marketing gratuitas na nossa loja. Isso inclui conteúdo editorial na nova aba Hoje, recomendações personalizadas, ferramentas de busca, listas dos apps mais populares e marketing em redes sociais. Tudo ajuda a garantir o sucesso de milhões de apps na App Store.

A Apple criou programas que são úteis tanto para os desenvolvedores quanto para pessoas que queiram aprender a programar e trabalhar com desenvolvimento. Nosso App Accelerator já ajudou milhares de desenvolvedores a criar experiências incríveis em apps para todas as nossas plataformas. A Apple Developer Academy ajuda a transformar estudantes nos desenvolvedores de iOS do futuro. O Apple Entrepreneur Camp, criado para organizações fundadas e lideradas por mulheres, ajuda-as a criar apps de ponta. Nossas WWDC Scholarships incentivam a próxima geração de desenvolvedores de apps e alunos de STEM talentosos a continuar estudando programação. E o nosso currículo Todo mundo pode programar permite que qualquer pessoa possa aprender, escrever e ensinar programação.

Uma loja onde a concorrência
é bem-vinda.

Acreditamos que a concorrência é beneficial e resulta em apps melhores para nossos clientes.

Também achamos que qualidade é mais importante que quantidade, e que confiança vale mais do que a quantidade de transações. É por isso que, mesmo que outras lojas tenham um número maior de usuários e downloads de apps, a App Store é mais rentável para os desenvolvedores. Nossos usuários confiam na Apple, e essa confiança é fundamental para oferecer uma loja justa e competitiva para distribuição de apps.

Veja a seguir diversas categorias em que temos concorrentes diretos na App Store.

Apps concorrentes na App Store.

Calendário

Apple

Apps concorrentes na App Store

Calendário

  • Calendars, da Readdle

  • Google Agenda

  • Fantastical 2

  • Microsoft Outlook

Câmera

Apple

Apps concorrentes na App Store

Câmera

  • Camera+ 2

  • Instagram

  • Moment

  • Snapchat

Armazenamento em nuvem

Apple

Apps concorrentes na App Store

iCloud

  • Box

  • Dropbox

  • Google Drive

  • Microsoft OneDrive

E-mail

Apple

Apps concorrentes na App Store

Mail

  • Gmail

  • Microsoft Outlook

  • Spark

  • Yahoo Mail

Mapas

Apple

Apps concorrentes na App Store

Mapas

  • Citymapper

  • Google Maps

  • MAPS.ME

  • Waze

Mensagens

Apple

Apps concorrentes na App Store

Mensagens

  • Messenger

  • Slack

  • Snapchat

  • Viber Messenger

Música

Apple

Apps concorrentes na App Store

Apple Music

  • Amazon Music

  • Pandora

  • Spotify

  • YouTube Music

Anotações

Apple

Apps concorrentes na App Store

Notas

  • Bear

  • Evernote

  • Google Keep

  • Microsoft OneNote

Podcasts

Apple

Apps concorrentes na App Store

Podcasts

  • iHeartRadio

  • Spotify

  • Overcast

  • TuneIn

TV

Apple

Apps concorrentes na App Store

Apple TV

  • Amazon Prime Video

  • YouTube TV

  • HBO GO

  • Netflix

Chat com vídeo

Apple

Apps concorrentes na App Store

FaceTime

  • Cisco Webex Meetings

  • Houseparty

  • Skype

  • ZOOM Cloud Meetings

Navegação

Apple

Apps concorrentes na App Store

Safari

  • DuckDuck Go

  • Firefox

  • Google Chrome

  • Microsoft Edge

Estamos sempre aprendendo e oferecendo os melhores apps para melhorar a experiência da App Store para clientes e desenvolvedores. E esse compromisso continua mais firme do que nunca.

Crie apps incríveis para a App Store.

Você é desenvolvedor ou desenvolvedora? Amplie seus negócios com recursos feitos para ajudar você a produzir apps incríveis e alcançar mais usuários.

Saiba mais sobre o desenvolvimento de apps para a App Store