Nosso plano para o planeta.

A Apple é neutra em emissão de carbono.
E, até 2030, todos os nossos produtos também serão.

Criamos os produtos mais inovadores do mundo com materiais reciclados. E, em breve, todos eles serão feitos com energia limpa e sem emissão de carbono. Algumas pessoas dizem que isso é impossível, mas na Apple, pensamos diferente.

Acompanhe as medidas que estamos tomando.

iPhone 11 Pro posicionado sobre sua embalagem

Ajuda o planeta antes mesmo de sair da caixa.

Nossos aparelhos têm alta durabilidade, baixo consumo de energia e iniciaram uma revolução no design. Usar materiais e processos com baixa emissão de carbono é o próximo passo na redução do impacto de cada produto Apple no mundo.

Design

Ajuda o planeta antes mesmo de sair da caixa.

Design com baixa emissão de carbono

Para reduzir ao máximo nossa emissão de carbono, buscamos os componentes responsáveis pelas emissões mais significativas e focamos nossos esforços em diminuir seu impacto. Quando recriamos o design, aprimoramos a engenharia e repensamos os materiais e a energia que os produtos Apple consomem, podemos reduzir ainda mais as emissões de carbono geradas na sua fabricação. Desde 2008, o consumo médio de energia dos produtos Apple caiu em 73%. Multiplique essa economia por todos os aparelhos Apple usados no mundo inteiro para ter uma ideia da diferença que isso faz.

Durabilidade do produto

Seu aparelho foi pensado para ficar muito tempo com você. Ele foi feito com materiais duráveis, testados exaustivamente em nosso Laboratório de Teste de Confiabilidade. Além disso, o sistema operacional é atualizado constantemente, e você conta com o suporte de uma rede com mais de 5 mil centros de reparo certificados pela Apple caso tenha algum problema. Quanto mais tempo seu aparelho durar, melhor para o planeta.

Química inteligente

Alguns componentes químicos podem durar para sempre e causar danos ao meio ambiente e às pessoas. Por isso, estamos conduzindo um trabalho pioneiro na indústria para mapear, testar e substituir esses materiais por substâncias mais seguras. Testamos todos os produtos Apple para avaliar sua conformidade com a nossa listagem de substâncias regulamentadas. Estamos coletando a composição química de todos os materiais em nossos produtos para avaliar em maior profundidade os efeitos que eles podem causar à saúde das pessoas e ao meio ambiente. No momento, já temos dados sobre mais de 45 mil peças e materiais de mais de 900 fornecedores. E não paramos por aí.


O consumo de energia do iPad Pro de 11 polegadas é 69% mais eficiente do que a exigência da ENERGY STAR1.
Mais de Nosso Laboratório de Teste de Confiabilidade conduz mais de 100 testes rigorosos que simulam as condições do mundo real para que possamos aumentar ao máximo a durabilidade e a longevidade dos produtos.

A Apple recebeu, pelo segundo ano consecutivo, a classificação A+ da Mind the Store pela maneira como garante a segurança química dos seus produtos.
imagem do MacBook Pro rodeado por raspas de alumínio

Avançado também no uso de materiais reciclados.

Temos o compromisso de trabalhar para que chegue o dia em que todos os nossos produtos e embalagens sejam 100% produzidos com materiais recicláveis e renováveis. Para nós, fabricar produtos novos não precisa significar extrair mais matéria-prima do planeta.

Extração

Avançado também no uso de materiais reciclados.

Perfis de materiais

Muitos materiais são usados para fazer nossos produtos. Para definir uma ordem de importância, criamos perfis de impacto destes materiais. Assim, temos detalhes sobre efeitos sociais, globais e ambientais no fornecimento de 45 materiais presentes em nossos produtos. Como resultado desse estudo, determinamos os 14 materiais que devem ser priorizados na transição para fontes recicláveis ou renováveis: alumínio, cobalto, cobre, vidro, ouro, lítio, papel, plásticos, metais de terras raras, aço, tântalo, estanho, tungstênio e zinco. Conforme fechamos o ciclo de cada material, continuaremos atualizando esta lista até alcançar nosso objetivo de produzir sem extrair do planeta.

Ver o documento Perfis de impacto dos materiais (PDF em inglês)

Inovação dos materiais

Nossa meta é fazer os melhores produtos do mundo com materiais da mais alta qualidade. Infelizmente, nem sempre as sobras de materiais disponíveis atendem ao nosso padrão elevado de pureza e desempenho. Então, inventamos novos métodos para resolver esses problemas. Um deles foi desenvolver para as estruturas do MacBook Air, Mac mini, iPad e Apple Watch uma liga personalizada de alumínio 100% reciclada sem comprometer a qualidade. E, para provar que o estanho 100% reciclado é tão funcional quanto o virgem, testamos e usamos esse material na solda da placa lógica da maioria dos nossos aparelhos mais populares.

Embalagens aprimoradas

As embalagens são relevantes no nosso impacto ambiental. Estamos trabalhando para eliminar plásticos, aumentar a quantidade de materiais reciclados e reduzir as embalagens como um todo. Depois de trocar as bandejas plásticas por alternativas de fibra moldada na embalagem do iPhone 7, fizemos a mesma mudança na maioria das outras embalagens. Também trocamos todas as sacolas plásticas de nossas lojas por alternativas feitas com 100% de fibras e o máximo possível de material reciclado. Continuar melhorando nossas embalagens vai ajudar a mudar o planeta para melhor.

Fornecimento de papel

Conseguimos fechar o ciclo na nossa cadeia de fornecimento de papel. Desde 2017, 100% da fibra de madeira presente nos nossos papéis e embalagens vem de fontes responsáveis ou recicladas2. Quando precisamos utilizar fibras virgens, elas vêm de florestas sustentáveis. E, para garantir que o fornecimento responsável de papel veio para ficar, fizemos uma parceria com o The Conservation Fund e o World Wildlife Fund (WWF). Juntos, vamos proteger e melhorar o gerenciamento de mais de um milhão de acres de florestas sustentáveis nos Estados Unidos e na China. Quando as florestas crescem, a comunidade local e a vida silvestre também prosperam.

O iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max são os primeiros smartphones feitos com metais de terras raras 100% reciclados no Taptic Engine3.
O uso de alumínio reciclado e com baixa emissão de carbono reduziu nossa pegada de carbono em 4,3 milhões de toneladas em 2019.
Em quatro anos, reduzimos em 58% a quantidade de plástico nas nossas embalagens.
O braço de Daisy, o robô de desmontagem da Apple.

Do iPhone de hoje para o iPhone de amanhã.

Esta é a Daisy. Um dos robôs que criamos para recuperar materiais úteis dos nossos aparelhos e dar a eles uma nova vida.

Recuperação

Do iPhone de hoje para o iPhone de amanhã.

Laboratório de Recuperação de Materiais

Falta de tecnologia não é desculpa para não preservar recursos. Nosso Laboratório de Recuperação de Materiais no Texas tem o objetivo de otimizar as práticas de reciclagem, aprimorar a desmontagem e avançar na pesquisa e no desenvolvimento da próxima geração de tecnologias de reciclagem. Esse trabalho é fundamental porque mais reciclagem quer dizer menos extração de matéria-prima da natureza.

Daisy e Dave

Criamos a Daisy, nosso próprio robô de desmontagem, para remover e organizar componentes. Assim, podemos recuperar mais materiais e com qualidade superior em comparação aos métodos tradicionais de reciclagem. O novo robô Dave chegou para ajudar no avanço da recuperação de metais de terras raras, tungstênio de componentes desmontados, aço e sobras de materiais. Com nossos programas de reciclagem e o AppleCare, os dois robôs trabalham juntos para recuperar mais materiais do que nunca.

Reciclagem de aparelhos

Com a reciclagem do seu aparelho antigo, novos são fabricados sem a necessidade de tirar matéria-prima da natureza. O alumínio recuperado de um iPhone se torna parte da estrutura de alumínio 100% reciclado de um MacBook Air. O cobalto que recuperamos das baterias do iPhone é usado para fabricar novas baterias. Ou seja, seu aparelho reciclado ajuda a reduzir a quantidade de materiais que precisam ser extraídos do planeta.


A Daisy consegue recuperar materiais de 15 modelos diferentes de iPhone em uma velocidade de 200 aparelhos por hora.
Mais de Somados, nossos programas de trocas direcionaram mais de 11,1 milhões de aparelhos a novos usuários em 2019.

No ano fiscal de 2019, ajudamos a evitar que 47 mil toneladas de resíduos de aparelhos eletrônicos fossem enviadas para aterros.
Turbinas eólicas em colinas com gramados

A Energia alternativa deixou de ser alternativa.

Até 2030, nossos produtos serão inteiramente feitos com energia limpa. Isso quer dizer que centenas dos nossos fornecedores terão que passar a usar energia de fontes 100% renováveis.

Fabricação

A Energia alternativa deixou de ser alternativa.

Energia renovável

Quase metade da nossa emissão de carbono vem da energia elétrica usada na fabricação. Por isso, é fundamental ajudar nossos fornecedores a mudar para energia renovável. Esse é um objetivo muito ambicioso, mas estamos progredindo. Mais e mais os fornecedores estão assumindo o compromisso de usar mais e mais energia limpa. Também fizemos parcerias para investir quase US$ 300 milhões no China Clean Energy Fund e ajudar a desenvolver mais projetos de energia renovável. Todo esse trabalho está nos levando em direção ao nosso objetivo de ter todos os fornecedores usando energia renovável até 2030.

Política de ação

A energia limpa não beneficia apenas os nossos fornecedores, mas também as redes de distribuição e os países em que estão. Por isso, apoiamos ativamente as políticas governamentais que taxam o carbono e criam mercados de energia elétrica renovável de baixo custo para fornecedores e suas comunidades. Acreditamos que salvar o meio ambiente com a transição para a energia renovável é uma ação de todos. E as políticas desempenham um papel crucial.

Programa Zero Waste

Em 2015, lançamos o programa Zero Waste, que dá suporte local aos fornecedores para aplicar ações de redução, reutilização, reciclagem e eliminar o envio de resíduos aos aterros sanitários. O objetivo é evitar que 100% dos resíduos cheguem aos aterros. O trabalho começou pelas instalações de montagem final, que são as principais responsáveis pela produção de resíduos. Em 2018, essa medida nos ajudou a conquistar certificações 100% Zero Waste para as instalações de montagem final dos produtos iPhone, iPad, Mac, Apple Watch, AirPods e HomePod4. Em 2019, ampliamos o alcance do programa incluindo os locais de montagem final da Apple TV. Vamos continuar nas outras instalações até que nosso objetivo global seja alcançado.

Mais de Mais de 70 fornecedores assumiram o compromisso de usar energia 100% renovável para a produção da Apple. Atualmente, já são 2,7 gigawatts de energia operacional.

A maioria das instalações de montagem final do iPhone assumiu o compromisso de reduzir em 20% o consumo de energia até o fim de 2020.

Nosso programa Zero Waste para os fornecedores já evitou que 1,3 milhão de toneladas de resíduos fosse para aterros desde 2015. Isso equivale a 100 mil caminhões de lixo.
Interior de uma Apple Store

Apple.
Trabalhando oficialmente no verde.

As lojas, escritórios e data centers da Apple funcionam com energia 100% renovável. Agora, todas as nossas operações, da ida ao trabalho às viagens de negócios, também têm emissão de carbono zero.

Operações

Apple. Trabalhando oficialmente no verde.

Energia renovável

Todos os escritórios, lojas e data centers da Apple em 44 países funcionam com energia de fontes 100% renováveis. A maior parte dela tem origem em projetos que ajudamos a criar. Nosso investimento em energia limpa já é um dos maiores entre empresas que não atuam no setor de energia. Quando precisamos de mais, compramos energia renovável de mercados próximos ou de empresas de abastecimento locais. Essa grande transição para o uso de energia limpa, somada aos nossos outros esforços pelo meio ambiente, nos premiou com o United Nations 2019 Global Climate Action Award. Continuar crescendo é continuar investindo em energia renovável.

Data Centers

Os data centers são prédios repletos de servidores que ajudam a fazer funcionar seus apps e serviços preferidos da Apple. Muita energia é consumida para enviar suas iMessages e manter suas informações pessoais atualizadas no iCloud. Certamente, os data centers usam a maior carga de energia da empresa. Temos orgulho em garantir que todos os nossos prédios economizem energia e água, reduzam a quantidade de resíduos e usem energia 100% renovável.

Emissões da empresa

O trajeto até o trabalho e as viagens de negócios dos nossos funcionários correspondem a cerca de 2% da nossa pegada de carbono. Mas reconhecemos que as emissões dos meios de transporte que usamos para chegar ao trabalho e fazer negócios são mais difíceis de evitar. Por isso, concentramos nossos esforços em neutralizar essas emissões por meio de projetos responsáveis de compensação de carbono. A partir de 1º de abril de 2020, o programa passou a englobar o deslocamento para o trabalho e as viagens de negócios de mais de 132 mil funcionários da Apple. Isso está fazendo com que toda a nossa empresa seja oficialmente neutra em emissões de carbono. E sim, isso inclui a frota de veículos do app Mapas da Apple.


Reduzimos as emissões de carbono das nossas operações em 71% desde 2011, mesmo que nosso consumo de energia tenha aumentando mais de quatro vezes.
Mais de Quase 83% da energia renovável que a Apple usa vem de projetos que ajudamos a criar, resultando na propriedade direta de mais de 1,2 gigawatt de energia limpa.

Estamos investindo
em ideias para o futuro.

Além de reduzir nossas emissões ao máximo, também investimos em removedores naturais de carbono da Terra que ajudam a capturar o restante, como florestas, zonas úmidas e pastagens.

Remoção de carbono

Estamos investindo em ideias para o futuro.

Fundo de Soluções para Carbono

A ciência nos diz que nosso planeta precisa se tornar neutro em emissões de carbono até 2050. E a ameaça da mudança climática que estamos vivendo é muito grande para uma empresa resolver sozinha. Para compensar a emissão de carbono que ainda não conseguimos evitar, estamos repensando a forma de remover o carbono em excesso da atmosfera. Por isso, criamos o primeiro fundo desse tipo no mundo, uma iniciativa em parceria com a ONG Conservation International, que vai ajudar a proteger e recuperar as florestas, zonas úmidas e pastagens e, assim, remover para sempre o excesso de carbono da nossa atmosfera. Isso vai muito além de compensar emissões de carbono. É um investimento na natureza que vai trazer um retorno significativo tanto para as pessoas como para o planeta. Com o tempo, esperamos que outras empresas se juntem a nós nessa causa para garantir a saúde e subsistência desses importantes ecossistemas.

Mangues colombianos

Nossa parceria com a Conservation International também tem o objetivo de recuperar e proteger um manguezal de 27 mil acres na costa da Colômbia. Estamos ajudando a criar um novo método para medir o “carbono azul” que as árvores do mangue armazenam nas raízes e no solo abaixo do nível do mar. Os manguezais são importantes para combater a mudança climática porque conseguem armazenar dez vezes mais carbono do que as árvores na terra. As áreas de mangue que ajudamos a proteger têm a capacidade de armazenar 1 milhão de toneladas de CO2 por todo o tempo de vida do projeto. Em apenas dois anos, esse projeto poderá remover as emissões que toda a frota de veículos do app Mapas geraria nos próximos dez anos, além de proteger os ecossistemas e comunidades dos litorais.

Savanas do Quênia

Estamos trabalhando com a ONG Conservation International para recuperar naturalmente as savanas deterioradas das montanhas de Chyulu, no Quênia. Nossos esforços vão ajudar a regenerar esse ecossistema por meio de governança comunitária para resolver os problemas que impedem que essas savanas cresçam. A cada ano, o projeto vai ajudar a remover até 4 toneladas de CO2 por hectare, além de demonstrar como as abordagens de regeneração natural voltadas à comunidade podem oferecer mais apoio à subsistência rural.

O Fundo de Soluções para Carbono foi projetado para remover de 1 a 2 milhões de toneladas de carbono por ano.
Os manguezais têm a capacidade de armazenar dez vezes mais carbono do que árvores na terra, o que faz deles importantes aliados na luta contra a mudança climática.
Uma floresta protegida pela Apple na região nordeste dos Estados Unidos
iPhone com um papel de parede abstrato na tela

Recicle hoje.

Ajude o planeta amanhã.

Quando você recicla um aparelho antigo, podemos recuperar seus componentes. Reutilizar esses componentes em vez de extrair mais matéria-prima só traz vantagens para você e para o planeta.

Descubra mais sobre ações ambientais da Apple.

Veja o relatório ambiental
sobre seu produto.

Cada aparelho é avaliado pelo seu impacto em nossa emissão de carbono. Também avaliamos se os materiais utilizados são ecológicos e seguros.

Relatório de Acompanhamento de 2020

No relatório mais recente, você encontra informações detalhadas sobre nossas ações, como medimos nosso impacto no meio ambiente

e os progressos que tivemos em um ano.

Ver o relatório de Acompanhamento Ambiental de 2020 (PDF em inglês)

Outros relatórios e recursos

Química inteligente

A Apple tem um programa rigoroso para garantir a segurança dos componentes químicos usados em nossos produtos. Saiba mais sobre os padrões rigorosos da Apple, as avaliações toxicológicas minuciosas e as metodologias para avaliar substâncias químicas de alta importância.

Mudanças climáticas

A mudança climática é uma questão definitiva dos nossos tempos. Nosso objetivo é que a Apple e todos os nossos produtos tenham emissão zero de carbono até 2030. Veja abaixo atualizações detalhadas sobre nosso progresso.

Responsabilidade dos fornecedores

Exigimos de nós mesmos e de nossos fornecedores os mais altos padrões de proteção aos direitos trabalhistas e humanos, de saúde e segurança no local de trabalho, além de práticas de proteção ambiental e extração responsável de materiais.

Visitar o site sobre Responsabilidade dos Fornecedores

Perguntas Frequentes

Encontre respostas para as perguntas frequentes sobre a Apple e o meio ambiente.

Ler as perguntas frequentes