Acreditamos que a segurança não deve comprometer a
privacidade individual.

As informações mais solicitadas. E as nossas respostas.

É comum recebermos solicitações de processos jurídicos por informações da Apple ou sobre suas ações. Exigimos que o governo e instituições privadas cumpram com a legislação e estatutos em vigor quando solicitam informações e dados de clientes. Nós também exigimos, por meio de contratos, que nossos fornecedores sigam as mesmas normas que seguimos em relação às informações solicitadas pelas autoridades federais por dados da Apple. Nossa equipe jurídica analisa as solicitações para garantir que elas tenham uma base legal válida. Em caso afirmativo, nós atendemos à solicitação fornecendo os dados para cada ocorrência. Se não tiver uma base legal válida, ou se a considerarmos inapropriada, confusa ou muito abrangente, nós questionaremos ou rejeitaremos a solicitação. Preparamos os relatórios das solicitações a cada seis meses.

Trabalhamos continuamente para oferecer cada vez mais transparência e segurança de dados em nome dos nossos clientes.

A Apple nunca criou um acesso por backdoor ou chave-mestra para nenhum de nossos produtos ou serviços. Também nunca permitimos que qualquer autoridade federal tivesse acesso aos nossos servidores. E nunca vamos permitir.

Ver os relatórios de transparência da Apple

Programa de apoio ao cumprimento da lei

Acreditamos que as autoridades representantes da lei têm um papel fundamental em manter nossa sociedade segura. E sempre deixamos claro que, se tivermos informações, vamos fornecê-las quando um processo jurídico fizer essa exigência. Sabemos que as autoridades representantes da lei necessitam, cada vez mais, de evidências digitais. Por isso, temos uma equipe de profissionais dedicados no nosso departamento jurídico que gerencia e responde às solicitações legais recebidas de autoridades do mundo todo. Nossa equipe também responde às solicitações de emergência recebidas do mundo inteiro todos os dias.

Publicamos diretrizes de processos jurídicos para uso das autoridades representantes da lei e autoridades federais do mundo todo e divulgamos relatórios de transparência duas vezes por ano, detalhando os tipos de solicitação que recebemos e como respondemos. Além disso, damos treinamentos frequentes para agentes representantes da lei sobre os tipos de dado que a Apple dispõe e como obtê-los de acordo com nossas diretrizes de processos jurídicos.

Ao final de 2018, vamos lançar um portal online para agentes representantes da lei autorizados do mundo todo, em que eles podem fazer solicitações jurídicas de dados, solicitações de rastreamento e obter respostas sobre os dados da Apple.

Estamos formando uma equipe de profissionais para treinar agentes representantes da lei em todo o mundo, o que aumentará significativamente nossa capacidade de contatar autoridades e forças policiais de menor escala. O desenvolvimento de um módulo de treinamento online para agentes está incluído. Ele ajudará a Apple no treinamento de um número maior de autoridades e agentes representantes da lei no mundo todo e garante que as informações e diretrizes da nossa empresa possam ser atualizadas para refletir o panorama de dados que está em evolução acelerada.

A Apple tem o compromisso de proteger a segurança e privacidade dos nossos usuários. As mudanças mencionadas acima e o trabalho que realizamos para colaborar com as investigações confirmam nosso compromisso primordial.

Diretrizes da Apple para solicitações de autoridades